Grupo de Estudo 1: As estruturas na clínica psicanalítica com crianças

Coordenação: Leda Mariza Fischer Bernardino.

Proposta: Como pensar a questão as estruturas clínicas na psicanálise com crianças? O que seria uma psicopatologia propriamente psicanalítica da infância? Como situar a criança nos discursos e qual a incidência clínica desta posição? O que pensar, ainda, da escuta dos pais nesta clínica? Estes serão nossos interrogantes para este semestre de trabalho.

Datas: às quartas-feiras, quinzenalmente, dias: 12/02; 11 e 25/03; 08 e 22/04; 06 e 20/05; 10 e 24/06.

Horário: 11h00 às 12h30.

Início: 12 de fevereiro de 2020.

 

Grupo de Estudo 2: O adolescente, seus impasses e suas angústias diante do mal-estar de sua condição de sujeito em crise

Coordenação: Leda Mariza Fischer Bernardino.

Proposta: O adolescente por definição é um sujeito em crise, com muitas questões, que se refletem em questões familiares, sociais, escolares e clínicas. Pretendemos discutir textos que promovam uma reflexão sobre a escuta, o manejo clínico e escolar e questões teóricas levantadas pelos adolescentes que nos cercam.

Datas: às quartas-feiras, quinzenalmente, dias: 05 e 19/02; 04 e 18/03; 01, 15 e 29/04; 13 e 27/05; 03 e 17/06.

Horário: 11h00 às 12h30.

Início: 05 de fevereiro de 2020.

 

Grupo de Estudos 3: A aquisição da escrita a partir do Interacionismo Brasileiro

Coordenação: Mariana Trenche de Oliveira

Proposta: A Clínica de Linguagem se constituiu como uma abordagem alternativa ao enfrentamento das patologias de linguagem a partir de 1997, quando a pesquisadora Maria Francisca Lier-De Vitto deu início ao projeto intitulado Aquisição, Patologias e Clínica de Linguagem pelo CNPq. O Interacionismo Brasileiro é considerado uma fonte teórica indispensável para a Clínica de Linguagem na medida que leva em consideração a relação entre fala/escrita da criança, fala/escrita do outro e a língua. Assim, desdobramentos originais foram determinados pelo compromisso com o sintoma na fala/escrita e seus efeitos clínicos. A proposta deste grupo de estudos é debruçar-se sobre a produção teórica acerca da aquisição da escrita produzida no interior do Interacionismo Brasileiro com o objetivo de embasar teoricamente a Clínica de Linguagem, respeitando a diferença entre campos.

Datas do Grupo de 2ª. F: 17/02; 02, 16 e 30/03; 13 e 27/04; 11 e 25/05; 08 e 22/06.

Datas do Grupo de 6ª. F: 14 e 28/02; 13 e 27/03; 03 e 24/04; 15 e 29/05; 26/06; 03/07.

Horários: Segundas-feiras das 08:00 às 09:30 e nas Sextas-Feiras das 15:00 às 16:30.

Início: 14/02 (grupo de 6af.) e 17/02 (grupo de 2af.).

 

Grupo de Estudos 4: Grafismo, letramento, escrita e alfabetização: modos de aprendizagem e de linguagens no autismo

Coordenação: Cristina Keiko Inafuku de Merletti, Maria Eugênia Pesaro e Maria da Paz Castro (Gunga)

Proposta: pretende-se estudar percursos e modos de aprendizagem que sujeitos autistas e psicóticos, crianças e adultos, encontraram para adentrar, a seu modo, a linguagem e a escrita. Para isso, serão apresentados e discutidos práticas clínicas, materiais educacionais, produções  gráficas de alunos e estratégias escolares desenvolvidas, assim como estudos sobre a literatura produzida por adultos autistas.

Datas: às quartas-feiras, quinzenalmente, dias 04 e 18/03; 01, 15 e 29/04; 13 e 27/05; 10 e 24/06.

Horário: 18h30 às 20h00.

Início: 04 de março de 2020.

 

Grupo de estudos 5: A construção de caso e o acompanhamento psicanalítico de crianças em instituição, grupos e escolas

Coordenação: Maria Eugênia Pesaro

Proposta: A proposta do grupo é estudar os fundamentos teóricos do novo instrumento denominado Acompanhamento Psicanalítico de Crianças em Escolas, Grupos e Instituiçoes – APEGI. Os cinco eixos a serem apresentados orientam a leitura sobre a constituição psíquica da da criança e seus possíveis sintomas. O estudo proposto pretende auxiliar os profissionais das áreas da saúde e da educação no acompanhamento de crianças e nas intervenções em consultórios, instituições de saúde (UBS, NASF, CAPSI), escolas e nas discussões de rede de apoio interdisciplinar (Acompanhantes Terapêuticos, Acompanhantes Escolares, Terapeutas Ocupacionais, Fonoaudiólogos, etc).

Datas: às terças-feiras, quinzenalmente, dias: 03, 18 e 31/03; 14 e 28/04, 12 e 26/05; 09 e 23/06.

Horário: 18h30 às 20h00.

Início: 03 de março de 2020.

 

Valor por encontro por grupo: R$ 150,00

Para inscrição: fazer o depósito de um encontro no valor de R$150,00 no B. Santander ag.4626 C/C n.13004090-3, CNPJ 04.479.058/0001-10 e enviar o comprovante de depósito, com cópia do RG e CPF e um mini curriculum, para lugardevida@lugardevida.com.br, informando qual grupo de estudos participará.